As Tentações da Liderança – Parte Final

04
maio

A MANEIRA DE MANTER SUA INTEGRIDADE COMO LÍDER

O líder e tentado a utilizar sua liderança para obter vantagens pessoais. Você vai ser tentado. Para poder resistir, precisa se perguntar constantemente: “Por que estou fazendo o que estou fazendo?”.

Deus não é injusto; ele não se esquecera do trabalho de vocês e do amor que demonstraram por ele, pois ajudaram os santos e continuam a ajudá-los. Pense em todos os que trabalham nos bastidores como voluntaries na sua igreja, ou na sua organização. Talvez nós não Vejamos o que eles fazem, mas Deus, sim, ele vê; e não esquece. Cada vez que alguém ajuda o povo de Deus, está manifestando que ama a Deus. O trabalho feito para Deus com um coração puro onde há amor, será recompensado na eternidade. Essa motivação e legitima na liderança. O autor de Hebreus está nos dizendo: “Como se acumulam tesouros no céu? Isso se faz, servindo aqui na terra. De o seu tempo, seu dinheiro, sua energia, tudo o que você tem, em nome do céu”. Os líderes eficazes se centralizam nas suas responsabilidades e se esquecem dos seus direitos. Eis aqui umas palavras clássicas de Pedro para os líderes das igrejas: Portanto, apelo para os presbíteros que há entre vocês, e o faço na qualidade de presbítero como eles e testemunha dos sofrimentos de Cristo, como alguém que participara da gloria a ser revelada: pastoreiem o rebanho de Deus que esta aos seus cuidados. Olhem por ele, não por obrigação, mas de livre vontade, como Deus quer. Não façam isso por ganância, mas com o desejo de servir. Não ajam como dominadores dos que lhes foram confiados, mas como exemplos para o rebanho. Quando se manifestar o Supremo Pastor, vocês receberão a imperecível coroa da glória.

O Novo Testamento utiliza três palavras diferentes para falar dos líderes, e todas aparecem nesta mesma passagem.

“Ancião”, presbytes é a palavra grega de onde vem a palavra “presbiteriano”; a igreja presbiteriana chama os seus líderes de “anciãos”. “Pastor”, se explica por si mesma, e a segunda palavra; e a terceira, e “supervisor”. Esta e a palavra grega de onde se deriva “episcopal”, e significa “supervisor”; os líderes dessa igreja são chamados de “bispos”.

Qual é a diferença entre um ancião, um pastor e um bispo? Nenhuma. A Bíblia usa três palavras distintas para referirse as mesmas pessoas. Pedro usa aqui as três palavras para garantir chamar a atenção de todos os líderes. Ele quer que compreendam suas responsabilidades, que estão descritas nestas palavras. Aos anciãos, lhes diz que sejam pastores e funcionem como supervisores. “Ancião” e um termo relacionado a maturidade espiritual. Não tem nada a ver com a idade (Timóteo, sendo jovem, era o ancião da igreja de Éfeso), mas, sim, com a maturidade espiritual. Aos anciãos, lhes diz que sejam pastores. O papel do pastor tem a ver com a parte da sua descrição de labores relacionada com o cuidado das pessoas: a ministração, o conselho e o cuidado pastoral. Os “supervisores” têm a ver com a função administrativa do líder na igreja. O líder supervisiona a administração, a orientação, a direção e a gerencia da igreja. Pedro diz que a liderança da igreja começa com o reconhecimento de que esta e o rebanho de Deus. A igreja e de Deus. A nós só cabe a liderança, a administração de algo que pertence a ele. O mesmo acontece com o seu negócio, sua família ou sua organização. Os bons líderes guiam os outros com coração ardente. Não são líderes porque tem de ser, senão porque estão dispostos a ser. Estão mais preocupados com o que poderiam dar, do que com o que poderiam conseguir. Uma coisa e a liderança e outra e o senhorio. O verdadeiro líder não é um ditador, mas um guia por meio do seu exemplo. Como consequência, “quando se manifestar o Supremo Pastor, vocês receberão a imperecível coroa da gloria”. Discipline-se para buscar as recompensas eternas. Não sei quanto a você, mas eu quero uma dessas coroas. Deus não se agrada dos líderes que abusam da sua posição, poder e privilégios.

Quando Deus disse a Moisés que falasse a rocha, o que Moisés fez foi bater nela. Abusou do seu poder. Como consequência, Deus lhe disse: “Não entraras na terra prometida”. Davi abusou da sua posição de líder quando teve uma aventura com Bate-Seba. Pagou o preço quando Deus levou o primeiro filho dessa união.

Saul abusou da sua posição de líder ao fazer o que Deus havia dito que não fizesse. Perdeu o trono. Ao longo de todo o Antigo Testamento, lemos que, quando os reis judeus serviam ao Senhor, prosperavam. Quando começavam a abusar de sua posição, privilégios e poder, perdiam a liderança. Você foi promovido alguma vez? Reconhece alguma dessas tentações? Como líder, será tentado a fazer uso indevido da sua posição. Certa ocasião, houve um homem que foi embora da igreja porque queria ser presidente da assembleia… e nós não tínhamos nenhuma assembleia. Estava mais interessado num cargo, do que no Ministério. Queria ser peixe grande em lagoa pequena. Você será tentado a abusar do seu poder. A liderança não é senhorio. Os líderes não são chamados para ser ditadores tiranos. Jesus disse em sua Palavra que “o maior entre vocês deverá ser servo”. Você será tentado a aproveitar dos seus privilégios. Quando alguém recebe uma promoção, os demais confiam mais nele. Por exemplo, seus horários podem se tornar mais flexíveis. Pode-se usar esse privilégio para fazer uma boa quantidade de trabalho no dia, ou pode-se aproveitar para ir embora mais cedo quando chega o fim de semana. Talvez lhe seja confiada uma conta de gastos ou várias outras coisas das quais vai ter a tentação de abusar. Isso faz parte do que e ser líder. Foi uma profunda reverencia pelo Senhor que impediu Neemias de abusar de sua autoridade.

Uma vez que conhecemos o temor ao Senhor, procuramos persuadir os homens. O que somos está manifesto diante de Deus, e esperamos que esteja manifesto também diante da consciência de vocês. Não estamos tentando novamente recomendar-nos a vocês, porem lhes estamos dando a oportunidade de exultarem em nós, para que tenham o que responder aos que se vangloriam das aparências e não do que está no coração. O que Paulo está dizendo é: “Eu vivo com transparência diante de vocês. Tudo está a vista: o que veem em mim e o que sou. E vivo desta forma, não para impressionar vocês, mas porque temo ao Senhor”. Temo o que o Senhor faria se eu abusasse da liderança da minha igreja. Esse e um temor santo; um temor que não existe em grande parte do mundo atual. £ uma reverencia diante de Deus que diz: “Deus me colocou aqui, trouxe-me a este posto e vai me pedir contas. Portanto, não posso abusar dessa situação em particular”.

Gênesis 39 relata a história de José, quando a mulher de Potifar lhe armou uma cilada e ele escapou dela. O que impediu que ele cedesse diante da tentação que ela lhe estava oferecendo gratuitamente? O temor de Deus que José tinha era maior que o amor aos próprios prazeres. Ele sabia que se ele se comportasse assim, entristeceria a Deus. Obedeçam aos seus líderes e submetam-se a autoridade deles. Eles cuidam de vocês como quem deve prestar contas. Obedeçam-lhes, para que o trabalho deles seja uma alegria e não um peso, pois isso não seria proveitoso para vocês. Se não há responsabilidade, tampouco há autoridade. Aprofunde sua reverencia a Deus. Compreenda que e a ele que daremos conta. Os líderes são julgados de maneira mais restrita que os seus seguidores. Por último, discipline-se para buscar as recompensas eternas. Tenha os olhos fixos no prêmio que Deus tem preparado. O Senhor respondeu: “Muito bem, servo bom e fiel! você foi fiel no pouco, eu o porei sobre o muito. Venha e participe da alegria do seu senhor!” Esse e um dos versículos mais importantes da Bíblia. Quando eu chegar ao céu, e o que eu quero que o Senhor me diga. Você não quer? Minha principal motivação e que quero comparecer um dia diante de Deus e ouvi-lo dizer: “Fizeste bem, servo bom e fiel! Não foste perfeito, mas foste fiel. Fizeste o melhor que pudeste e isso era tudo o que eu queria de ti”. Deus não nos chama ao sucesso. Chama-nos a fidelidade. A consequência de uma liderança fiel e que ele nos encomenda tarefas maiores. Quando você chegar ao céu, terá responsabilidades ainda maiores. Você sabia que a forma como você viver sua liderança aqui na terra determinará seu potencial de liderança na eternidade? Isso e o que a Bíblia diz. Se você foi fiel nas coisas pequenas, vai ser fiel nas grandes. Compartilhe a felicidade de seu senhor. Deus deseja compartilhar a felicidade dele com você e comigo.

Quando encontrar líderes que estão abusando do poder, você pode estar seguro, em primeiro lugar, de que não tem reverencia pelo Senhor; em segundo, de que não amam as pessoas, e em terceiro, que estão vivendo para o momento e não para a eternidade.

Deixe um comentário