O Sonhador Administra Causas Impossíveis – Parte 1

15
jul

Texto Chave: “Faraó chamou a José Zafenate-Paneã, e deu-lhe por mulher Asenate, filha de Potifera, sacerdote de Om. Depois saiu José por toda a terra do Egito. Ora, José era da idade de trinta anos, quando se apresentou a Faraó, rei do Egito. E saiu José da presença de Faraó e passou por toda a terra do Egito. Durante os sete anos de fartura a terra produziu com abundância; e José ajuntou todo o mantimento dos sete anos, que houve na terra do Egito, e o guardou nas cidades; o mantimento do campo que estava ao redor de cada cidade, guardou-o dentro da mesma. Assim José ajuntou muitíssimo trigo, como a areia do mar, até que cessou de contar; por que não se podia mais contá-lo.” (Gênesis 41:45-49)

Você é filho legitimo? Todo filho legitimo tem direito à conquista do seu território. Você é filho legitimo porque foi enxertado na Oliveira verdadeira. Logo, o Poder dos poderes, Yeshua Ha Mashia habita dentro de você. Você tem consciência disso, desse poder, desse potencial que existe em você?

Todo líder sonhador que conhece o seu potencial não esconde os seus talentos, dons e aptidões e em tudo o que coloca a mão o Senhor vai dando graça e fazendo prosperar. Você acredita no seu potencial? Uma pessoa que não acredita no seu potencial está fadada à morte e nunca alcançará êxito em absolutamente nada.

Uma das qualidades do mundo secular é que os homens que estão na linha de frente de grandes projetos acreditam 100% no potencial que têm. O melhor remédio para vencer o mundo moderno é permitir que o seu potencial entre em operação.

Não permita que qualquer pessoa forme o seu caráter, pois isso pode ser deformação de caráter. Deixe que os princípios do Reino moldem a sua vida e, diante das críticas, exerça os seus sonhos e faça exatamente o que as pessoas crêem que você não é capaz de fazer.

Não esconda o seu potencial. Todas as pessoas que fazem valer o seu potencial que têm uma visão, um sonho, que não se desestimulam diante das grandes tempestades, que contagiam a equipe geram seguidores.

A nossa potencialidade não deve ser vendida e nem negociada. Você tem um potencial muito grande dentro de você e o diabo sabe que se você colocá-lo em operação, será uma bênção para o Reino e uma ameaça para o inferno. Esse território é sagrado, é templo de Deus. O Senhor quer levá-lo a conquistar os seus territórios. O que você precisa é saber quem você é e não permitir que o diabo o intimide. Não esconda o seu potencial.

Ao nascer, o seu choro era o anúncio de que nascia um conquistador. Deus não tem prazer que você viva de forma escravizada em suas emoções e cedendo territórios para o inimigo. Você não nasceu para viver em casulo ou recalcado. Yeshua se levanta para imprimir em você a autoridade do Cordeiro, a autoridade do Leão da Tribo de Judá, e você valorizará o território que Deus lhe confiou e a potencialidade que foi colocada em sua vida.

Saiba quem você é e quem o gerou. Você não é qualquer pessoa, você é filho legítimo de Deus. Rompa consigo mesmo e com a mediocridade de alma que o impede de progredir. Tenha a coragem de saber quem você é e de se expressar sendo o que Deus quer que você seja.

A Igreja de Jesus Cristo tem um padrão de essência em sua alma, que não pode ser negociado. Você precisa saber quem você é em Deus. Quando Jesus revelou a Sua identidade, até Cesar quis persegui-lo. Os reinos O perseguiram. E um dia, quando chegaram diante dEle perguntando se era lícito ou não pagar o imposto, Ele disse que deveríamos dar a Cesar o que era de Cesar e a Deus o que era de Deus.

E quando disseram a Ele que Cesar e Herodes iriam pegá­lo, Ele disse que bem os conhecia e sabia que eram como ra­ posa, mas Ele continuaria pregando e que morreria sim, mas que no terceiro dia iria ressuscitar. Desde o dia em que Jesus esteve na Terra, começou a levantar uma geração de guerreiros que não se intimidam em sua conquista e que não param em meio a sua jornada. Você faz parte dessa equipe. Creia nessa verdade. A Bíblia diz em Joel 2 que, quando esse povo começar a marchar, será com imponência e ninguém se atrapalhará, mas marchará com autoridade e por onde passar a terra ficará como restolho por trás, mas na frente será restaurada como o jardim do Éden.

Esses guerreiros irão andando destemidamente e em cadência, andarão de casa em casa e o Senhor Todo Poderoso é o escudo desse povo, e Deus do Seu alto e sublime Trono, do qual não se aparta, bradará: ‘esse é o Meu povo que Eu chamei para conquistar toda a terra:

“E as eiras se encherão de trigo, e os lagares transbordarão de mosto e de azeite. E restituir-vos-ei os anos consumidos pelo gafanhoto, a locusta, e o pulgão e a lagarta, o meu grande exército que enviei contra vós. E comereis abundantemente e vos fartareis, e louvareis o nome do SENHOR vosso Deus, que procedeu para convosco maravilhosamente; e o meu povo nunca mais será envergonhado.” (Joel 2:24-26)

Essa é a herança do povo de Deus: eles jamais serão en­ vergonhados. Esse é o decreto de Deus para os Seus filhos. Você é território santo e o diabo não pode tocar no que é santo. Você é propriedade exclusiva do Deus Todo Poderoso.

É tempo de restauração. É tempo de cura. É tempo de mudança. É tempo de você abrir a sua mentalidade e receber uma mente nova, transicionada pelo Senhor para não permanecer escravo da falência, mas tomar posição por Aquele que tudo tem e tudo é.

Administrando o impossível

Um líder na conquista dos seus sonhos que coloca o seu potencial em operação vence as crises. Vemos isso claramente na vida de José. Não permita que as crises existenciais sejam mais fortes que as suas convicções em Cristo. As crises podem ser subjugadas à sua convicção.

Convicção é sinônimo de fé. Todas as pessoas que possuem fé superam as suas crises. Se você quer superar a crise faça através do dom da fé que o Senhor dá a cada um no momento em que O aceitamos como o nosso Salvador.

José recebeu de Faraó o nome de Zafenate-Panéia, o governador de situações difíceis. José possuía um caráter sólido, verdadeiro e forte. Esse deve, também, ser o seu caráter. O caráter de alguém que enfrenta as crises sem se permitir ser governado por elas.

O nome Zafenate-Panéia cabia muito bem a José para aquele momento. Ele recebeu o nome que significa ‘governa­ dor de causas impossíveis’, porque o desafio que ele tinha a sua frente era imenso. É muito fácil governar o fácil. Mas Deus estava dando a José a capacidade de administrar o impossível.

Deus está dizendo à Igreja que Ele está ungindo-a para governar o impossível. Ele levanta uma geração de homens e mulheres que conquistarão os impossíveis e removerão os in­ circuncisos, porque Deus não quer que incircuncisos reinem sobre nós, os Seus filhos. O Reino de Deus chegou e essa é a hora da Igreja. A promessa é a de que o justo governará o ímpio e não o contrário. Nós, os filhos de Deus, devemos almejar trazer a justiça de Deus para a nossa nação. O Senhor não nos chamou para a mediocridade. E para cada causa difícil que bater a sua porta, Deus lhe dará autoridade para governar sobre ela. Você é chamado para governar causas difíceis. Deixe o fácil para os medíocres, para aqueles que não gostam de desafios.

Deixe um comentário